Agora que você já conhece tanto os treinos de bombeiros como mesmo os testes que são necessárias para exercer esta profissão, é hora de saber qual é a sua dieta. Nela, os hidratos de carbono representam quase 60% do total para estes profissionais. Entre os alimentos ricos em carboidratos incluem os cereais integrais, no arroz, pães ou massas, frutos secos, legumes e frutas. O ideal é que ingieras de 8 a 10 gramas de carboidratos por kg de peso. Aconselhamos também consumir em torno de um grama e meio de proteínas diariamente por cada quilo que peses e lembre-se de que as gorduras não devem representar mais de 25% da energia total que consome.

TENHA EM MENTE QUE…

As calorias que você tem que guardar relação direta com a dureza ou a intensidade de sua atividade de trabalho (ou do plano de treino que seguir em seu tempo livre). Os bombeiros realizam grande parte de suas atividades laborais a intensidades superiores a 80% de suas possibilidades energéticas máximas. Diferentes estudos apontam que, se você trabalha a esta intensidade por 45 minutos você pode chegar a esvaziar suas reservas de glicogênio. Esta é uma das principais causas de fadiga.

– Além das refeições mencionadas, completa seu aporte energético diário com um lanche a meio da manhã e outro à meia-noitee para evitar quedas de energia (a fruta é ideal). Embora não seja bombeiro, este conselho se ele virá muito bem que seu metabolismo trabalhe em um ritmo constante no ginásio. Os carboidratos de absorção lenta são ideais, já que eles vão te dando energia pouco a pouco, apenas o que você precisa para não entrar na reserva. Os encontrará na maioria dos cereais e seus derivados (pão, macarrão de arroz?), assim como os legumes.

-A gente fica obcecado por os carboidratos e as proteínas, mas você perder os nutrientes, as vitaminas, minerais, etc., quando são absolutamente necessários para a absorção e outros processos metabólicos dos primeiros. Assim que frutas, verduras e legumes devem jogar um papel preponderante na alimentação.

Um bombeiro que se preze sempre leva consigo alguma barra energética, frutos secos ou qualquer alimento fácil de comer e altamente energético, pois nunca se sabe quando voltará ao parque de bombeiros para poder se alimentar de novo.

– Manter o corpo hidratado é fundamental. É muito importante beber durante o treino, mas em pequenos goles. Você vai continuar rendendo ao máximo e evitar lesões desnecessárias. Os bombeiros levam, geralmente, cerca de 33 ml de água por quilo de peso, por dia. Por exemplo, um bombeiro de 75 quilos ingere cerca de 2,5 litros de água ao dia, 60% de forma líquida e 30% através da alimentação. Os 10% restantes produzem nossas próprias células. Este último, que vem a representar uma produção de entre 150 e 250 ml de água por dia, pode variar em função da ingestão calórica de forma que você pode ingerir 1 ml de água por kcal. É dizer, uma dieta de 2.500 kcal. tem de contribuir com 2,5 litros de água.

SEGUNDA-feira

Pequeno-almoço: Leite, cereais e frutas.
Comida: Macarrão, omelete de batatas com salada, torta de maçã.
Jantar: bolos com um pouco de verdura e uma pêra.

TERÇA-feira

Pequeno-almoço: Pudim, torradas e suco.
Comida: Arroz, carne vermelha assada e frutas.
Jantar: Purê de legumes e peru assado.

QUARTA-feira

Café da manhã: Iogurte com cereais e abacaxi.
Alimentos: Legumes, queijos, frios, requeijão.
Jantar: Peixe ao forno e creme.

QUINTA-feira

Café da manhã:Pão com fiambre e um sumo de laranja.
Comida: Paella e salada. De sobremesa, suco de laranja.
Jantar: Menestra de legumes e imperador da prensa.

SEXTA-feira

Café da manhã: Torradas com marmelo e queijo branco e suco.
Comida: Macarrão com carne moída e molho de tomate, atum grelhado e sorvete.
Jantar: Sopa de legumes, berinjela recheada e suco de laranja.

Segunda-feira

Pequeno-almoço: Leite com cereais e frutas.
Comida: Grão-de-bico salteados e vitela grelhado com couve.
Jantar: Salada de legumes e peito de frango.

DOMINGO

Café da manhã: Torradas com mel e café com leite.
Comida: Canelones de carne, salmão grelhado e melão
Jantar: Menestra de legumes, queijo e abacaxi.